junho 24, 2008

SIB na Talento


Usei uma máquina pictográfica, com manchas de cor no lugar das teclas, para o anúncio de página dupla institucional da SIB – Sociedade dos Ilustradores do Brasil – programado para a próxima edição do anuário de comunicação TALENTO. É minha percepção acerca da ilustração, enquanto expressão narrativa e simbólica, capaz de dispensar até mesmo o uso do texto. Se as imagems devem combinar para os olhos assim como as palavras aos ouvidos, é possível ir além quando conseguimos aliar conceito e técnica. Ilustrar, por definição, é jogar uma luz sobre um tema. Ou seja, elucidar, iluminar ou esclarecer. O que não implica, porém, em explicitar. Podemos usar uma luz indireta, difusa, oblíqua, negra, dura ou meia-luz para sugerir mais do que mostrar. Ilustrado é quem tem conhecimento ou sabedoria. Ilustração não é enfeite!

2 comentários:

Bruno Porto disse...

De uma fineza bradhollandiana!

Mauricio Negro disse...

Caro Bruno,

vindo de você, e referenciado por ele, o comentário me deixa feliz demais! Valeu, meu chapa. Um abraço transcontinental!